sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Meu querido avô A. :

Se o avô fosse vivo hoje faria 118 anos. Morreu há 36 e embora eu só tivesse um ano e meio (e a maior parte das pessoas não acredite) lembro-me perfeitamente do avô. O avô dava-me chocolates às escondidas da mãe e pedia para eu não lhe contar. A minha mãe só passou a acreditar na história, quando eu lhe revelei que me lembrava de uma sarda grande que o avô tinha na mão.
Escrevo este post emocionada e com as lágrimas nos olhos, porque tenho saudades de não o ter conhecido bem. Somos 19 netos e só eu, o F. e a J. não pudemos gozar da sua companhia, da sua sabedoria, da sua bondade. Nunca me canso de ouvir histórias do avô, ainda hoje com 37 anos. Sabe avô, acho que no fundo procuro um homem como o avô foi: íntegro, com carácter, amigo, bondoso, bonito e que me ame como eu sei, ainda hoje, que o avô me ama. Eu sinto-o todos os dias. Eu sinto que o avô está sempre aqui comigo, sempre. Todos os dias falo consigo em pensamento e por vezes em voz alta também. Quando choro, sei que o avô está ali a fazer-me festas. Quando lhe peço sinais o avô manda-mos. Eu vejo avô, eu sinto. Às vezes pode parecer que não, porque já sabe que cedo à impulsividade, ao meu coração. Eu sou assim avô, não gostava que se desiludisse comigo por não os ver logo. Mas herdei a sua bondade, a sua honestidade e isso deve ser motivo de orgulho para si. Gostava de ser mais parecida e acredite que todos os dias tento. Eu sei que o que aconteceu nos últimos dias foi obra do avô e o que aconteceu há pouco na garagem também. Eu tenho medo do que aconteceu na garagem, avô. Posso continuar a confiar nas pessoas, avô? Como o avô confiava? O avô vendia um terreno com um aperto de mão. Eu também sou assim e quero continuar a ser. Ajude-me, avô. Ajude-me daí de onde está. Continue a ajudar-me. Guie-me o caminho. Parabéns, avô. Um beijo muito amigo da Ritinha.

8 comentários:

Kikas disse...

esteja onde estiver, o teu avô está muito orgulhoso da sua ritinha :)

Este Blogue precisa de um nome disse...

Eu sei que está :) já me puseste a chorar, mas eu sei que está. Muito mesmo. Eu sou íntegra como ele gostaria que os 9 filhos, 19 netos e 30 bisnetos fossem... eu sei que está :)

Sofia disse...

Parabéns pelo texto, tão verdadeiro e bonito.
BJ

mi disse...

fizeste-me arrepiar :)**

Miss G. disse...

:)

susie disse...

:)Suspiro(muito profundo)

Rita disse...

O teu avô não te vai abandonar nunca. Se ele achar que vale a pena (seja lá o que for) ele manda-te um sinal. *

INA disse...

Rita agora fizeste-me chorar com este texto tão sentido e com o qual me identifico totalmente...
O teu avô A. é o teu anjinho da guarda...acredita...